6 dicas de prevenção de escaras ou úlceras por pressão

As escaras ou úlceras por pressão são um problema recorrente em pacientes acamados ou mesmo usuários de cadeira de rodas que permanecem muito tempo na mesma posição, essa questão exige um cuidado preventivo muito grande da equipe médica já que as de úlceras são feridas de difícil cicatrização e tratamento de longa duração, podendo durar muitos meses, causando grande sofrimento ao paciente e dificultando a reabilitação da doença principal. Por isso, para aquelas pessoas que estão lidando com o paciente acamados selecionamos algumas dicas para prevenir as úlceras da pressão:

1 – Mudança de posição, pacientes sem condições de variar a posição por conta própria o cuidador ou família deve fazer isso a cada duas horas, para que regiões de protuberâncias ósseas como tornozelo, quadril, sacro, escápulas cotovelos não fiquem pressionando a pele sobre o colchão. Qualquer sinal de pele avermelhada pode ser um indicativo de início da úlcera.

2 – Mantenha a boa hidratação do paciente, uma pele seca é mais propensa a rachar e formar a úlcera de pressão, a utilização de cremes e óleos à base de girassol e vitaminas ajuda a prevenir.

3 – Utilizar filme adesivo protetor como o Hypafix em regiões com protuberâncias ósseas ajuda a evitar a maceração da pele e a consequente formação da úlcera.

4 – Utilize um colchão caixa de ovo de ar, preferencialmente aqueles com motor acoplado ao colchão que faz com que o ar circule distribuindo melhor a pressão, esse colchão é utilizado sobre o colchão normal, colchão pneumático.

5 – Pacientes com incontinência devem receber cuidados rigorosos quanto à higiene, a troca da fralda e roupa da cama para prevenir o surgimento de dermatites e feridas.

6 – Utilizar almofadas e rolos posicionadores nos pontos críticos de formação de escaras. Cadeirantes devem sempre ter um cuidado com a almofada da sua cadeira de rodas a fim de evitar a pressão na região sacral.


OrtoBraz

www.OrtoBraz.com.br

 

 

 

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *